Escola da Ajuferjes promove o curso "A literatura e as formas-de-vida", ministrado pelo Professor Dr. Felipe Lima

10/04/2023
Wagner Ventura

A Escola da Associação dos Juízes Federais do Rio de Janeiro e Espírito Santo (Ajuferjes) promove o curso “A literatura e as formas-de-vida”, ministrado pelo Professor Dr. Felipe Lima (Graduado, Mestre e Doutor em Ciência da Literatura – UFRJ).

Um dos debates mais acalorados na tradição da Teoria da Literatura se dá em torno da questão da função do texto ficcional: formação intelectual e sentimental; direito à sociabilidade; controle do imaginário; dispêndio ou dádiva; entre outras perspectivas. Debateremos as inúmeras formas-de-vida, com seus hábitos, gostos, experiências e modos de existência, habitando o limiar entre ficção e realidade. As aulas serão centradas em uma obra específica. A curadoria dos livros parte de uma seleção prévia do professor e, posteriormente, a definição dos títulos será debatida com os participantes. Foram eleitas, sobretudo, obras escritas ao longo do século XX, em uma ampla cartografia de temas e espaços de enunciação.

A chamada “virada ética” dos anos 80 e 90 abriu um campo de recepção mais abrangente que, unindo teoria e prática, pensou nas relações estabelecidas entre os leitores e as personagens. A partir desse momento, podemos elaborar práticas de leitura não hierarquizadas, criando oficinas, cooperações, comunidades de leitores, encruzilhadas entre texto e vida. A filósofa Martha Nussbaum é precisa quando propõe o seguinte questionamento: “as pessoas se preocupam com os livros que leem; e elas são mudadas pelo que se preocupam — tanto durante o tempo da leitura como em incontáveis formas posteriores mais difíceis de discernir. Mas, se for assim, e se o leitor for uma pessoa reflexiva que deseja perguntar (em seu nome e/ou em nome de sua comunidade) quais poderiam ser as boas maneiras de viver, então torna-se não só razoável, mas também urgente perguntar: qual é o caráter dessas amizades literárias nas quais eu e os outros nos encontramos? O que eles estão fazendo comigo? Aos outros? À minha sociedade? Na companhia de quem escolhemos passar nosso tempo?”.

A ideia que motiva este curso é unir a leitura atenta dos textos — com seus aspectos linguísticos e estruturais — e, simultaneamente, trocar experiências de leitura, travessias entre o lido e o vivido, aproximando e afastando o testemunho pessoal do jogo literário. Ou seja, vamos introduzir pontualmente alguns conceitos-chave da Teoria Literária, da Antropologia e da Filosofia para debater os seres de ficção que povoam as páginas dos livros, com seus códigos vitais e exercícios do corpo e da subjetividade. Debateremos as inúmeras formas-de-vida, com seus hábitos, gostos, experiências e modos de existência, habitando o limiar entre ficção e realidade. As aulas serão centradas em uma obra específica. A curadoria dos livros parte de uma seleção prévia do professor e, posteriormente, a definição dos títulos será debatida com os participantes. Foram eleitas, sobretudo, obras escritas ao longo do século XX, em uma ampla cartografia de temas e espaços de enunciação. Desse modo, podemos entender, através da pluralidade das vozes, questões comuns e dissonantes da narrativa literária, assim como os procedimentos da representação artística.

 

Informações do curso:

Duração: 8 encontros de 2h, de abril a novembro, sempre na última semana de cada mês Calendário inicial: 24/04, 29/05, 26/06, 31/07, 28/08, 25/09, 30/10, 27/11 – sujeito a alterações

Horário: 19h-21h, segunda-feira Local: plataforma de videoconferência zoom Reposição: as aulas serão gravadas e estarão disponíveis aos participantes até 31/12/2023.

Bibliografia inicial: – 24/04 “O acontecimento”, Annie Ernaux. – 29/05 “Léxico familiar”, Natália Ginzburg. – 26/06 “Rei Lear”, William Shakespeare.

Bibliografia sugerida (a definição dos títulos será debatida com os participantes): – “Capitães de areia”, Jorge Amado. – “O olho mais azul”, Toni Morrison. – “O quarto de Giovanni”, James Baldwin. – “Kim Jiyoung, nascida em 1982”, Cho Nam-Joo. – “O dia de um oprítchnik”, Vladímir Sórokin. – “A pediatra”, Andréa Del Fuego. – “O avesso da pele”, Jeferson Tenório. – “Terra sonâmbula”, Mia Couto. – “Diário do hospício & Cemitério dos vivos”, Lima Barreto. – “Se vivêssemos em um lugar normal”, Juan Pablo Villalobos. – “Um apartamento em Urano: Crônicas da travessia”, Paul B. Preciado.

Público-alvo: magistrados associados da AJUFERJES, magistrados não associados, magistrados vinculados a outros tribunais, servidores da Justiça Federal da 2ª Região.

Preço: a) R$ 300,00 para associados da AJUFERJES b) R$ 450,00 para magistrados não associados, magistrados vinculados a outros tribunais, servidores da Justiça Federal da 2ª Região. Obs: possível parcelamento em duas vezes

Meio de pagamento: depósito em favor da AJUFERJES Caixa Econômica Federal CNPJ 10.475.729/0001-78 Agência 0625 C/C 00000089-5 Operação: 003

Período de inscrições: de 04/04/2023 a 24/04/2023

Inscrições: Enviar comprovante de pagamento ao e-mail contato@ajuferjes.org.br, com assunto “curso de literatura”, com nome, número de telefone com whatsapp, e-mail, cargo e lotação.

Atenção: curso sujeito a cancelamento, caso não alcançado número mínimo de alunos a critério da organização. Em caso de cancelamento, os valores pagos serão integralmente devolvidos aos inscritos.