CURSO DA CORE PARA DIRETORES DE SECRETARIA HOMENAGEIA O JUIZ FEDERAL MARCELO BRETAS



Publicado

Autor

Luísa Borges Pontes

Fotos

Data de Publicação

27/09/2017 00:00:00

Facebook

Twitter


Entre os dias 06 a 27 de setembro de 2017, foi realizado o primeiro “Curso de Tiro, Táticas Defensivas e Sobrevivência” para Diretores Criminais da Justiça Federal/RJ, ministrado pela Coordenadoria de Recursos Especiais – CORE, da Polícia Civil/RJ. Os diretores tiveram aulas tanto na Cidade da Polícia, em Benfica, quanto no Serviço Aeropolicial – SAER, no bairro da Lagoa, totalizando 44 horas/aula.

Na cerimônia de encerramento, no auditório do SAER, estiveram presentes os Juízes Federais Dr. Fabrício Fernandes, Presidente da AJUFERJES, a Dra. Alessandra Fernandes, o Dr. José Eduardo Nobre Matta, a Dra. Débora Valle de Brito, o Dr. Osair Victor, além do Procurador da República, Dr. Rafael Barreto, bem como o Deputado Estadual Flávio Bolsonaro.

A turma de diretores criminais fez questão de homenagear o Juiz Federal, Dr. Marcelo Bretas, pelo brilhante e excepcional trabalho que vem realizando na 07ª VFCRIM/RJ, à frente da Lava Jato carioca, através de uma placa comemorativa. Os referidos diretores também colocaram o nome da turma de “Turma Dr. Marcelo Bretas”. A referida placa foi entregue pelo Diretor da 09ª VFCRIM, Marcelo Molina, ao Diretor da 07ª VFCRIM, Fernando Pombal, representando, neste ato, o Dr. Marcelo Bretas.

O Diretor da 09ª VFCRIM, Marcelo Molina, representante da turma, ainda fez menção ao ato de desagravo feito pelo Dr. Fabrício Fernandes ao Dr. Marcelo Bretas, bem como prestou homenagens aos policiais da CORE em nome do seu Coordenador, Dr. Rodrigo Teixeira, e ao Deputado Estadual Flávio Bolsonaro, através de placas comemorativas.

Por fim, o Dr. José Eduardo Nobre Matta ressaltou a importância do Pacto de Poderes para enfrentar essa questão da violência nos dias atuais. O referido Magistrado fez menção do Detetive da Polícia Civil, Flávio Molina, reconhecido como herói brasileiro, com mais de 1500 resgates efetuados em sua carreira, sendo um dos pioneiros da aviação policial no país, tanto em operações de combate quanto de resgate, e um dos precursores do rapel policial. Lembrou, também, que Molina foi um atleta de ponta e o principal precursor do Muay Thai no Brasil.